Thursday, October 21, 2021

Colheita sobe quase 16 por cento este ano

As colheitas da Campanha Agrícola 2021-2022 ascendem, em Malanje, a 2,2 milhões de toneladas, 15,7 por cento mais que a produção de cerca de 1,9 milhões registada no período 2020-2021, de acordo com números oficiais obtidos, na sexta-feira, no município de Luquembo.

O governador de Malanje, Norberto dos Santos, indicou no lançamento da Campanha Agrícola 2021-2022, naquele município, que as colheitas do período anterior foram dominadas pela mandioca, com uma produção de 1,8 milhões de toneladas, além de 59 mil toneladas de milho, 29,5 mil de arroz e duas mil de feijão.

Norberto dos Santos destacou, ainda, a produção de mais de 140 toneladas de pescado e 263 toneladas de carne.
Na campanha que arrancou sexta-feira, as autoridades preconizam resultados superiores, de acordo com o governador, mercê da especial atenção que está a ser prestada ao sector cooperativo, ao qual as famílias camponesas são encorajadas a aderir pelo potencial do modelo de organização para elevar a produção.

O administrador de Luquembo, Alcino Siabala, avançou que, no ano agrícola 2021-2022, que decorre sob o lema “Revitalização das culturas de arroz e algodão um desafio para o fomento da Indústria”, o município espera colher cerca de 3,5 mil e quinhentas toneladas de arroz, além de outros produtos.

O  director do Gabinete Provincial da Agricultura, Carlos Chipoia, apontou como desafio a revitalização do cultivo de arroz e algodão, que considerou duas culturas industriais importantes para o desenvolvimento do país.
A produção prevista de arroz é de 30 mil toneladas, só no sector da Agricultura Familiar, que deve ser conciliada com outras culturas como o milho, de que se esperam colheitas de cem mil toneladas.

Segundo Carlos Chipoia, “um aspecto que deve merecer atenção, este ano agrícola, é a retoma do cultivo de algodão que é uma cultura industrial muito importante, porque temos a indústria têxtil reabilitada no país, mas a depender muito da importação”.

O director adiantou que os projectos nesse domínio residem em reverter o quadro, fazendo de  Malanje uma  região incontornável na produção de matéria-prima para a indústria têxtil.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *