Obras na Estrada Nacional 230 decorrem a bom ritmo

Pelo menos 100 dos 230 quilómetros do troço Saurimo/Cacolo Sapimbi, na Estrada Nacional, província da Lunda-Sul, têm as obras concluídas, garantiu, quarta-feira, o director local do Instituto Nacional de Estradas de Angola (INEA).

Domingos Rafael Mutemeca explicou que as chuvas intensas na região têm sido um factor de estrangulamento na execução das obras. Mas, assegurou que, dentro de um ano, a empreitada fica totalmente concluída.

Neste momento, realçou o director provincial do INEA, os trabalhos decorrem com normalidade com um nível de execução na ordem dos 60 por cento.

Disse que a empreitada, que abarca os lotes 8,9 e 10, está a ser levada a cabo pela Omatapalo e o consórcio Mota-Engil, tem cumprido com os parâmetros técnicos, subscritos nos contratos.

A estrada vai ter duas faixas de rodagem para cada sentido de marcha, quatro pontes definitivas, com cumprimentos que variam entre os 25 e 36 metros.
Os trabalhos de melhoria da estrada anima os automobilistas daquela região. 

Já no Huambo, foram retomadas as obras de asfaltagem da estrada de acesso ao Bairro da Juventude, arredores do município-sede da província, numa extensão de três quilómetros.

Com duração prevista para três meses e a cargo da empresa Elevo Engenharia Lda, a obra está orçada em mais de nove milhões de kwanzas.

Os trabalhos tinham ficado paralisados por três anos. A execução da empreitada gerou 35 postos de trabalho temporários.

A governadora Lotti Nolika procedeu, ainda, à colocação da primeira pedra de construção do Complexo Escolar Nossa Senhora de Fátima (Igreja Católica), com 12 salas de aula, no valor de 125 milhões de kwanzas, e vai durar cinco meses.

Leave a comment

Your email address will not be published.