Monday, May 16, 2022

Terminou o Congresso da UNITA

Os três dias de trabalhos internos, iniciados na quinta-feira última, concluiu, sábado (4), com a análise do relatório de certificação dos mandatos dos delegados ao XIII Congresso Ordinário, a constituição da mesa e aprovação da agenda de constituição das comissões especializadas, bem como a eleição do novo presidente do partido.

O segundo dia de trabalhos foi reservado a actividades das comissões, aprovação do relatório de trabalhos das subcomissões, leitura das conclusões, resoluções do XIII Congresso e a aprovação do comunicado final.

Para o último dia, aconteceu a eleição do presidente do partido, a tomada de posse da Comissão Política e o anúncio dos resultados eleitorais, seguido da tomada de posse do presidente eleito, a leitura do termo de posse e juramento.

Os discursos do presidente do Congresso, do presidente cessante e o discurso de encerramento do presidente eleito, confirmavam assim, que o XIII Congresso Ordinário terminou, já à noite, com a confirmação do nome de Adalberto Costa Júnior, até então candidato único à liderança do partido, depois de destituído pelo Tribunal Constitucional, como presidente da UNITA.

O novo presidente da UNITA foi eleito com mil e 121 votos expressos, de um total de mil e 801 votos, dos quais três votos nulos, o que corresponde a 96,43 por cento do total de votos.

No final do encontro, Clarice Caputo, membro da Comissão Permanente, que procedeu à leitura do comunicado final, agradeceu o papel do presidente cessante, Isaías Samakuva, pelo seu “notável desempenho”, à frente da liderança do seu partido.

A cerimónia contou com a presença de dez observadores eleitorais externos, membros do corpo diplomático acreditados em Angola, instituições religiosas e representantes de partidos políticos.

Leave a Reply

Your email address will not be published.