Angola e Namíbia reforçam estratégia para reduzir vulnerabilidade das famílias

Angola e Namíbia vão reforçar estrategias para que se reduza a vulnerabilidade das familias dos respectivos países, disse esta quarta-feira em Windhoek, a ministra angolana da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, Faustina Alves.

Faustina Alves fez este pronunciamento no encontro que manteve com a ministra namibiana da Igualdade de Género, Erradicação da Pobreza e Bem Estar Social, Doreen Sioka.

O encontro entre as duas governantes serviu, também, para troca de experiências sobre questões ligadas à acção, familia bem-estar infantil, idosos, pessosas com dificiência, igualdade e equidade de género, violência doméstica e empoderamento da mulher.

Angola e Namíbia pretendem, igualmente, ver reduzido o processo migratório, o tráfico de seres humanos e a vulnerabilidade das familias dos dois Estados que vivem por um nível de pobreza, refere um comunicado da embaixada de Angola na Namíbia.

A visita de Faustina Alves enquadra-se na sequência dos compromissos assumidos durante a 5ª Sessão da Comissão Bilateral de Cooperação entre Angola e Namibia  realizada em Windhoek, em 2019, bem como da revisão intermédia da 5ª Comissão Permanente Conjunta de Cooperação Angola Namíbia realizada de 28 a 29 de Abril de 2021, em formato virtual.

Jornada de trabalho

A ministra da Acção Social, Família e Promoção da Mulher encontra-se na Namíbia para uma jornada de trabalho de pelo menos cinco dias para troca de experiência e auscultação.

Durante a sua estadia ao país irmão está prevista visita ao lar das crianças da Namibia e uma deslocação ao campo de refugiados de Osire a 300 quilómetros de Windhoek.

Leave a comment

Your email address will not be published.