Tuesday, May 17, 2022

Consultas gratuitas beneficiam 450 pessoas no São Pedro da Barra

Um total de 450 pessoas foi atendida, no bairro São Pedro da Barra, durante o primeiro dia da Feira da Saúde, aberta ontem naquela parcela da província de Luanda.

Do total de beneficiados de consultas gratuitas e medicamentos na feira, promovida pela Repartição da Saúde do Ngola Kiluanji, foram diagnosticados 295 casos de malária e 80 casos de hipertensão arterial.

A responsável da Saúde Pública do Distrito Urbano de Ngola Kiluanji, Laurinda Bembua João, avançou que, além da malária e hipertensão, foram diagnosticados casos de infecção urinária, desnutrição e febre tifóide.

A realização da feira visa levar a assistência sanitária mais próxima da população, principalmente no bairro São Pedro da Barra, que não possui nenhum centro de saúde, até ao momento.

Nesta localidade de Luanda, segundo Laurinda Bembua, quando as pessoas adoecem são obrigadas a  ire ao município do Cazenga, a fim de receberem tratamento médico.

A responsável salientou, ainda, que os casos graves detectados na feira, que encerra hoje, foram encaminhados para os hospitais Municipal do Sambizanga e Américo Boavida, para melhor seguimento.

Além das consultas, estão a ser administradas as vacinas do Programa Alargado de Vacinação (PAV) às crianças dos zero a um ano de vida, sem o calendário cumprido, e distribuídos dois litros de lixívia a cada paciente, com vista a reforçar as medidas de higiene domiciliar.

Na feira, participam 40 profissionais, entre médicos, enfermeiros e técnicos de diagnóstico e terapêutica. Depois de São Pedro da Barra, a Repartição de Saúde do Ngola Kiluanji vai levar a feira para o bairro Porto Pesqueiro.

As autoridades sanitárias de Ngola Kiluanje esperam que a população local adira à feira em massa.

Leave a Reply

Your email address will not be published.